Arquivo para maio 2011

Rio Bom de Mesa 2011 – de 14 a 19 de junho

26/05/2011

Depois de experimentar sabores europeus em edições anteriores, o Rio Bom de Mesa 2011 inicia uma viagem pela cozinha brasileira. Nesta 8ª edição, que acontece entre os dias 14 e 19 de junho, Minas Gerais será a inspiração dos chefs convidados pela Associação dos Restaurantes da Boa Lembrança do Rio de Janeiro (ARBL) para apresentar pratos que tragam ao público toda a simplicidade e a riqueza da culinária mineira.

Rio Bom de Mesa 2011

A Casa da Suíça tem sua participação garantida no Circuito Zona Sul – de 16 a 18 de junho.  O Chef convidado para preparar um menu especial bem mineirin é a Chef Beth Beltrão do Virados do Lago/Tiradentes.  “O menu vai ter muita gustuzura di comê rezano…” garante a Chef.

 
Aguardem mais informações!

Crepe de Café

23/05/2011

24 de maio é o Dia do Café.

Particularmente adoro café… Adoro os aromas; quando os grãos torrados são moídos, quando a água quente entra em fusão com o pó de café, quando o café expresso é servido…  Adoro degustar o café expresso como também adoro saborear o café gelado.  Amo as sobremesas feitas com café. Torta de café, torta de café com chocolate…

E quando a sobremesa ainda é preparada e finalizada na sua frente, com os aromas do café e os ingredientes se espalhando pelo salão… Ah, não temos como resistir… Bem, eu não consigo.

Crepe de Café –  Na receita, se faz um caramelo com pouco açúcar, com toques cítricos, já que se coloca casquinha de laranja e limão. Depois é acrescentado o café bem forte, para dissolver o açúcar e formar uma calda. Os crepes são colocados para que a calda os envolva e os sabores fiquem bem apurados. Flambado com conhaque Remy Martin e depois com licor Tia Maria. Uma explosão de aromas e sabores!  Servido com sorvete de creme.

Casa da Suíça – Crepe de Café

Então, que tal experimentar??

Matambre a Campo Fora

16/05/2011

Lembram que no feriado de Abril dei algumas dicas e uma delas foi de um passeio/cavalgada que fiz?  A paisagem é belíssima, os anfitriões Ângela e Paulo Hafner são muito simpáticos e sabem receber e acolher as pessoas. Outro ponto alto do passeio é a comida… comida de fazenda, churrasco de chão… e Paulo é um amante da boa comida e adora cozinhar. Dependendo do passeio escolhido, algumas refeições são preparadas pelo Paulo… Divido com vocês uma de suas saborosas receitas:

Matambre a Campofora (receita de Paulo Hafner)

Matambre é um corte de carne de segunda, quase uma “achura”, ou “miúdo”, desprezível, mas de primeira hora como se vê a seguir – é a carne dura que recobre a costela, e o termo vem do espanhol “mata hambre” (mata-fome), por ser a que mais cedo vai pra cozinha na carneação, ainda enquanto se trincha o boi. Difícil talvez de encontrar num mercado longe da carniceria, dos abates, dos frigoríficos ou das fazendas de criação.

Faz parte da culinária gaúcha de língua espanhola ou portuguesa – ou seja, nos confins do Rio Grande e donde se ande quem sabe a cavalo(!!!). Há de se encontrar matambres seja nos açougues, nas cavalgadas, seja numa mesa de galpão em qualquer fazenda. Passa perto das grandes cidades apenas nas churrascarias de origem gaúcha e mesmo assim sempre recheado e enroldado no espeto (especial, também).

Nossa receita é de “própria lavra” – sonhada com lágrimas de saudade no canto da boca em madrugadas frias da Fronteira ou da Serra Gaúcha (mais apetitoso que babar no travesseiro, não?).

Sustância:

1kg de matambre cortado em quadrados de dedo grosso de espessura, magro ou gordo (ao gosto do cozinheiro);
2 cebolas grandes, em quartos de rodela;
2 cervejas pretas – das amargas, long neck (e dizer que é gaúcho);
sal e pimenta do reino a gosto;
mostarda Hemmer escura.
Pinhão de araucárias, cozido ou tostado na chapa do fogão a lenha (acompanhamento).

Lida de campo:

Reculutar (juntar tudo) numa panela de ferro – para “mijoter”!
Cozinhar lentamente, tampado, sem deixar secar (juntar água da cacimba sempre que ameace); quando a carne estiver macia, destampar e seguir – em fogo baixo –  para reduzir e o molho “garrar corpo”.
Apressados podem usar panela de pressão – em uma hora o matambre está macio (baixar o fogo quando a panela começar a relinchar – pra não exemplar a cozinha…).

Apresentação:

Servir com pinhões de araucária, cozidos ou tostados na chapa do fogão a lenha (se estiver cavalgando conosco no outono, catado ao redor das casas na manhã do preparo…) Usa-se descascar!
Imagina-se que sirva quatro pessoas não muito esganadas.
Quantia de vinho a gosto – antes, durante e depois.

Matambre a CampoFora

Informações e reservas (para cavalgadas)

Campofora Viagens a Cavalo
54 3244 2993 e 54 9971 4000
www.campofora.com.br
www.facebook,com/cavalgadas.campofora.viagensacavalo
info@campofora.com.br
Skype – campofora8234

13 de maio: Dia Nacional do Chef de Cozinha

13/05/2011

Nesta sexta-feira, 13 de maio, comemoramos o Dia Nacional do Chef de Cozinha (segundo a Associação Brasileira da Alta Gastronomia | ABAGA). Os cumprimentos de toda a equipe da Casa da Suíça aos nossos amigos de profissão!

“Artistas apaixonados e orgulhosos de seu ofício,
empregam seu talento para dignificar a gastronomia
e transformar comida em arte.

Cada um com seu espaço, seu mercado
sua personalidade, seu carisma.
Cada um fazendo a sua parte
participando, com seu trabalho,
de um processo muito importante de construção
de uma cultura gastronômica no Brasil.

Cada um contribuindo com seus conhecimentos técnicos
para o aumento do grau de profissionalismo desse mercado
e abrindo espaço para que outros ingressem
nesse mundo rico e fascinante da cozinha.

E, sobretudo, cada um com suas maravilhosas delícias
nos proporcionando momentos inesquecíveis
e fazendo do bem comer um dos maiores prazeres da vida.”

(autor desconhecido)

Tim tim!

Brasil Sabor 2011

11/05/2011

Brasil Sabor 2011 – à mesa, o Brasil já é Hexa!

28 de abril a 29 de maio

Este evento é realizado pela Abrasel e acontece simultaneamente em todo o Brasil. A Casa da Suíça participa do Festival, que este ano está em sua 6ª edição, com uma receita especialmente elaborada pelo Chef Volkmar: Médaillons de Badejo “St. Saphorin”

Casa da Suíça - Brasil Sabor 2011 - Médaillons de Badejo "St. Saphorin"

Receita: (porção para 1 pessoa)

Ingredientes:  140g Badejo (2 medalhões), 50g camarão pequeno, 1 colher (chá) béchamel, 1 colher (sopa)  cebola picada, 1 colher (chá)  folhas estragão, 1 colher (chá)  pimenta quebrada, suco de limão, sal e pimenta à gosto, ½ copo  vinho branco, ½ copo  caldo de peixe, ½ colher (sopa)   béchamel, ½ colher (sopa)  creme de leite, ½ colher (sopa) pimentão vermelho sem casca em cubos, noz moscada à gosto, ½ colher (sopa)    Juliana bem fina de cenoura crua, ½ colher (sopa)  Juliana bem fina de maçã, ½ colher (chá)  alcaparras picadas, 1 unidade panqueca recheada com purê de camarão (em forma de rocambole), 1 unidade tomate grelhado, 150ml purê de espinafre (consistência mais liquida), 6 unidades flores de couve flor, 5 unidades  mini cenoura

Preparo:

Purê de camarão – numa frigideira salteie os camarões. Bata no liquidificador e ligue com uma colher de chá de béchamel.

Molho – Leve ao fogo o vinho branco, o caldo de peixe, o estragão, a pimenta quebrada e a cebola. Deixe ferver até reduzir a 2/3. Passe pelo chinois, ligue com béchamel, acrescente noz moscada, as julianas de cenoura e maçã, os cubos do pimentão vermelho e as alcaparras. Acrescente o creme de leite.

Tempere os medalhões de badejo com suco de limão, sal e pimenta e depois grelhe e monte sobre a panqueca recheada com purê de camarão no meio do prato. Com o purê de espinafre faça um espelho usando meio prato e coloque o tomate grelhado. Do outro lado coloque as flores de couve flor intercaladas com as mini cenouras. Finalmente cobrir o peixe com o molho.

Venham experimentar! E caso você resolva fazer a receita em casa, nos conte o resultado!

Dia das Mães na Casa da Suíça

09/05/2011

A comemoração do Dia das Mães na Casa da Suíça, neste domingo, foi muito especial. Recebemos a visita de muitos clientes queridos e de pessoas que vieram prestigiar o restaurante pela primeira vez…

As mamães presentes receberam um pequeno mimo de nossa equipe: uma bolsinha com uma linda mensagem e uns bombons deliciosos, também! (afinal, que mulher recusa um belo chocolate?rs)

Presentinho para as mamães

Gostaríamos de agradecer a todos que passaram o domingo com a gente, deixando este Dia das Mães marcado na história da Casa da Suíça e no coração de cada um de nós!

Feliz Dia das Mães!!!

08/05/2011

Feliz Dia das Mães Casa da Suíça

Às nossas amigas e clientes, obrigado pelo carinho e por prestigiar o trabalho da Casa da Suíça! Nossa Casa é de vocês!